Tudo Sobre Ciência Símbolos de química verde e azul - Tudo Sobre Ciência Bandeira

Grande Colisor de Hádrons


Grande Colisor de Hádrons – O Propósito
O Grande Colisor de Hádrons (LHC, sigla em inglês), de Genebra, na Suíça, é um dos mais profundos projetos científicos já concebidos. É localizado entre a França e a Suíça, e operado pela Organização Europeia para Pesquisa Nuclear (CERN). Os cientistas de todo o mundo esperam que este projeto esteja plenamente operacional em setembro de 2009.

O objetivo final do LHC é responder a perguntas científicas sobre o mundo sub-atômico, o grande cosmos e a sua relação bem afinada. Inicialmente, é uma tentativa de observar partículas que, de acordo com os cientistas, devem existir. Em última análise, é uma tentativa de compreender a criação do cosmos e a complexidade e design poderosos que permeiam o reino das partículas.


Grande Colisor de Hádrons – O que é grande?
O Grande Colisor de Hádrons é a maior máquina do mundo. Os dois anéis aceleradores têm oito km de diâmetro e cerca de 28 km de circunferência. É o maior sistema de refrigeração do mundo com 9.600 ímãs resfriados a -271 graus centígrados. Possui quatro grandes detectores que pesam entre 4.9 a 11.3 milhões de quilos cada um, e mais dois detectores menores.


Grande Colisor de Hádrons - O que é um Hádron?
Os hádrons são partículas subatômicas que interagem com a Força Nuclear Forte. O que é a força nuclear forte? É a maior força do universo, mas só funciona dentro do núcleo de um átomo. É a força mediada por partículas fundamentais chamadas glúons, os quais mantêm juntas três partículas fundamentais chamadas quarks, as quais por sua vez compõem um próton e um nêutron. A Força Nuclear Forte diminui em força quando os quarks se aproximam e aumenta em força à medida que se distanciam. Não há nenhum fenômeno natural conhecido forte o suficiente para separar os três quarks. O segundo efeito de ordem da Força Nuclear Forte é manter os prótons e nêutrons juntos no núcleo de um átomo. Essa interação forte é liberada durante uma reação nuclear, tal como o que ocorre no sol, em uma bomba nuclear ou em um reator nuclear.


Grande Colisor de Hádrons - O que é um Colisor?
Um colisor é um subterrâneo tubo acelerador de vácuo, quase circular, no qual as partículas carregadas se movem em direções opostas perto da velocidade da luz. Essas partículas são aceleradas e mantidas em uma energia constante por ressonadores eletromagnéticos. Os feixes de partículas são focados por ímãs quadripolares e mantidos em sua órbita por ímãs bipolares. Quando os computadores e detectores estão prontos, raios de prótons ou iões de chumbo se colidem em quatro pontos onde os dois anéis se interceptam. A colisão de dois feixes de direções opostas duplica a energia liberada ao equivalente a 100.000 vezes o calor no centro do sol! Os detectores capturam o momento da colisão de partículas e os computadores analisam os dados por meses e anos vindouros.


Grande Colisor de Hádrons - Qual é a intenção?
A intenção principal do LHC é ajudar os cientistas a compreender a natureza da matéria no momento em que o cosmos foi criado. Por que sobrou matéria quando matéria e antimatéria aniquilaram uma à outra em uma transformação de energia durante a criação do cosmos? O que aconteceu com a anti-matéria? O que compõe 96% do cosmos que hoje chamamos de "matéria escura" e "energia escura"? Existe realmente o "campo de Higgs" (ou seja, "a partícula de Deus") que misteriosamente dá massa às partículas? O que dizer das dimensões extras do espaço oculto que os modelos quânticos mostram que existem?

Em resumo, o Grande Colisor de Hádrons é um enorme esforço científico para tentar dar uma olhada na mente de Deus no momento da criação... Continuem ligados!

Saiba mais!

Cortesia de Randall Niles.

Direito Autoral © 2002-2020 AllAboutScience.org, Todos os Direitos Reservados